08 outubro 2008

Reflexo

Foto de Samuel Martins

Reflexo da alma, da vida
de momentos reflectidos em tudo e em nada
reflexo de um desejo, de vidas vividas e passadas
reflexo da imagem num espelho, na água, na alma
reflexo de tudo e nada

Reflexos de Mim, Ti, Nossos e de Nós
de um passado recente
de uma vida dormente
de laços quebrados
entre dedos apartados

Reflexos carentes e dormentes
de amores antigos e recentes
estampados nos mais vagos semblantes
das gentes simples e pedantes, nos amantes

Reflexos no escuro da penúria e pobreza
num lamento calado de um olhar gelado
reflexos simples de um sol caído à tarde
apanhado por um abraço calado

Reflexos de tudo e nada, recente, antigo
no passado vivido, no presente amado
a alguém dado, emprestado, para ser pintado
no espelho da água ou no teu reflexo, amigo

17 comentários:

Maria disse...

Olá!!!!!
Saudades de te ler, aqui...

Um beijo, H.

Noite disse...

A NOITE ganhou magia, mudou de dia mas segue sempre o ritmo das palavras que ainda jorram dos dedos.

poeta_silente disse...

Obrigada pela visita. E pelos reflexos da tua vida deixados por onde andas.
Deus te abençoe.
Miriam

O Sibarita disse...

Ai que bom você ter voltado fia!

A vida é um reflexo constatnte...

Belo poema!

Ah venha sim! Adoraria... kkkkk

bjs
O sibarita

mitro disse...

Belo 'reflexo'.

Som do Silêncio disse...

:)
Bom reler-te!

Bjs,
Som

Marcio Sarge disse...

Obrigado H pors suas palavras no Sarge, apreciei bastante a crítica, reflexo ao que vejo de sua sabedoria rs.

Até.

impulsos disse...

Reflexos de instantes que ladeiam a estrada da vida...

A alma de um poeta derramada na sua folha branca, reflectindo sobre
as coisas com que se vai cruzando ao longo dessa estrada, embelezada pelas suas palavras sensíveis.

Gostei imenso!

Beijo

PAH, nã sei! disse...

Bom filho casa torna ;)

DE-PROPOSITO disse...

Reflexos de tudo e nada, recente, antigo
---------
Reflexos da vida que passamos, do berço onde fomos criados. Foi isso que ajudou a moldar os nossos comportamentos.
Fica bem.
E felicidades.
Manuel

Dias disse...

Reflexos, fotografias, bagagem...

Beijo agradado de te reler :)

*

Menina do Rio disse...

Não vou justificar minha ausência, mesmo pq não caberia.
Adoraria ter estado por aqui, mesmo pq meu blog fez dois anos e eu nem estava aqui pra comemorar.
Quero apenas deixar meu pedido de desculpas, agradecer pelas visitas, pelo carinho, por tantos comentários e pela preocupação.
Mesmo que eu quisesse e me desdobrasse, não daria para fazer isso individualmente e terá que ser aos poucos.
Hoje quero apenas deixar um beijo e dizer que vou lendo-vos na medida do possivel.
Mil desculpas.
Estou de volta!
Um beijo imenso!

Um Momento disse...

Lindas palavras com reflexos ainda mais belos:)))
Beijo grande!!

(*)

Alexandra disse...

As ausências fazem-se notar de ambos os lados....

Obrigada pela tua passagem num dos meus poucos "discursos".

Desejo-te um Óptimo Natal!!

Bj
Alexandra

Isabel disse...

Venho visitar-te neste meu regresso e, deixar-te aqui os meus votos, de um ano de 2009 repleto de Paz, Amizade, Tolerância e...sem esquecer o resto que faça falta.

Bjt

DE-PROPOSITO disse...

de um sol caído
-----------
O sol cai, mas, levanta-se. O que não acontece com todos. O ser humano um dia cai, e, não se levantará.
Fica bem.
Felicidades.
Manuel

Alexandra disse...

A ausência continua a fazer-se notar.... compreendo!

Mas tenta voltar, fazes falta! É o que estou a tentar fazer neste momento.

Beijocas